photo 9590ad90-645d-45c2-a6e4-91e48213f14b_zpsrvkhcolv.jpg
| Mistic Angel

4 de maio de 2012


Gestação Frustrada

- Como compreenderemos os casos de gestação frustrada quando não há Espírito reencarnante para arquitetar as formas do feto?
- Em todos os casos em que há formação fetal, sem que haja a presença de entidade reencarnante, o fenômeno obedece aos moldes mentais maternos.
Dentre as ocorrências dessa espécie há, por exemplo, aquelas nas quais a mulher, em provação de reajuste do centro genési­co, nutre habitualmente o vivo desejo de ser mãe, impregnando as células reprodu­tivas com elevada percentagem de atração magnética, pela qual consegue formar com o auxílio da célula espermática um embrião frustrado que se desenvolve, em­bora inutilmente, na medida de intensi­dade do pensamento maternal, que opera, através de impactos sucessivos, condicio­nando as células do aparelho reprodutor, que lhe respondem aos apelos segundo os princípios de automatismo e reflexão. Em contrário, há, por exemplo, os casos em que a mulher, por recusa deliberada à gra­videz de que já se acha possuída, expulsa a entidade reencarnante nas primeiras semanas de gestação, desarticulando os processos celulares da constituição fetal e adquirindo, por semelhante atitude, cons­trangedora dívida ante o destino.
XAVIER, Francisco Cândido; 
VIEIRA, Waldo. 
Pelo Espírito André Luiz. 


2 comentários:

Ivone Poemas disse...

Acredito nisso, eu desejei muito uma segunda gravides que só foi em frente depois de eu aceitar que ficaria só com meu filho, ele já tinha quatro anos quando depois de desistir levei em frente uma gravidez e nasceu minha filha,(caso em que a minha fé seria em aceitar ter somente o meu filho), uma entidade me dissera que seria a "menina" por mim sonhada, hoje digo, foi mesmo assim, ela já é mãe de adolescente e é feliz!!!
Abraços amigo!
Ivone

Célia Rangel disse...

O ato gestacional que para muitos é físico, para mim é puramente espiritual que transcende a todoas as nossas expectativas terrenas.
Bj. Célia.