photo 9590ad90-645d-45c2-a6e4-91e48213f14b_zpsrvkhcolv.jpg
| Mistic Angel

3 de dezembro de 2012


Na Hora do Silêncio


Quando te encontrares em qualquer dificuldade emocional, recorda o silêncio como instrumento divino de construção e paz.
Confuso, ele te ajudará a encontrar soluções adequadas.
Indeciso, ele te ajudará a fortalecer a idéia de maior equilíbrio.
Desacreditado, ele te ajudará a reconhecer que o mais importante é acreditares em ti mesmo.
Perseguido, ele te ajudará a compreender os perseguidores.
Injuriado, ele te ajudará a continuar apesar dos espinhos.
Vencido, ele te ajudará no refazimento de tuas forças.
Revoltado, ele te ajudará a entender o valor da resignação no processo de auto-aperfeiçoamento.
Ressentido, ele te ajudará a lutar contra o melindre.
Injustiçado, ele te ajudará a perceber que o perdão rompe a cadeia do mal.
Incompreendido, ele te ajudará a sustentar a paciência.
Toda vez que te sentires em dificuldades emocionais, pensa um pouco mais antes de qualquer atitude impetuosa e recorda que, diante de Pilatos, o silêncio de Jesus representou, para sempre, a vitória do bem imperecível sobre a incompreensão transitória.


Autor: André Luiz
Psicografia de Antônio Baduy Filho


3 comentários:

Ånjos do Céu disse...

Olá meu Ånjo Amigo Vanderlei!
Desculpe a demora, mas tá um corre-corre minha vida, bem estou mais com tempo de postar no meu blog!
Mas não se esqueça q vc está em minhas orações, muito obrigado por sua amizade ela dá um novo sentido em minha vida, cada vez mais seu blog está esplendoroso, lindo a mensagem de hoje! Semana abençoada a vc! O:-)

Célia Rangel disse...

Uma reflexão poderosa para entregarmo-nos ao silêncio da sabedoria.
Abraço, Célia.

Lindalva disse...

Oh! meu amigo só agora tive o silêncio para me entregar a esta oração. Obrigada meu querido por segurar minha mão neste momento de aflição. Um doce beijo no coração.